Google+

9 de jan de 2010

De Tomaso Pantera

De Tomaso

Itália. Lugar de bons vinhos, queijos, massas e lar de algumas macchine de sangue quente. Será efeito do clima, da terra ou do vento que sopra dos Alpes que fez do país um verdadeiro celeiro de sonhos automotivos? Talvez seja a mistura desses ingredientes com uma pitada do calor do povo e sua paixão por velocidade.



Pantera

Cockpit

550 cv

Detalhe

Estilo

Mito


VÍDEO



Ficar frente a frente com um mito sempre provoca reações, tais como nervosismo e batidas aceleradas do coração. Já conhecia esse clássico há mais de um ano e, mesmo assim, quando a porta da garagem foi aberta, não foi possível ficar indiferente às suas linhas cheias de sedução. A idéia inicial era fazer somente outro vídeo, mas seu estilo único pediu novas imagens.

Esse é – basicamente – um carro de corrida pra andar na rua. As portas feitas de alumínio são levíssimas e os vidros foram substituídos para alívio de peso. O cockpit abriga duas pessoas, sendo o motorista na posição mais confortável. Atrás deles um outro passageiro que evidencia sua presença a cada acelerada: o coração de oito cilindros da máquina. O sistema de escapamento é semelhante ao usado pelo lendário Ford GT 40 e produz um ronco inconfundível.

Além de bonito, o Pantera das fotos detém o recorde brasileiro de velocidade de 1994. Neste evento ele fez uma média de 250, 6 km/h. Além do alívio de peso já citado, a fera é equipada por um motor 408 V8 de alumínio, com 6.654 cm³ de cilindrada, apenas 171 kg e – pasmem – 550 cv brutos. Com isso o quarto de milha é coberto em pouco mais de 13 segundos e a velocidade máxima estimada em 290 km/h. Haja asfalto!

Dando uma voltinha rápida percebe-se que seu comportamento no trânsito é bastante arisco. Isso é obra do comando de válvulas “bravo”, vindo diretamente da divisão esportiva da Ford. Por esses e outros motivos ele só sai da toca em ocasiões especiais.

Se por acaso tiver a sorte de se encontrar com essa máquina nervosa em algum semáforo por aí, admire a obra de arte com bastante atenção, pois ele vai sumir de vista assim que acender a luz verde.
Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails