Google+

7 de abr de 2013

Porsche 550 Spyder: recriação perfeita atrai olhares pela rua




Um modelo que se tornou mítico. O Porsche 550 Spyder chegou ao mercado para atender a demanda da marca por um carro de corrida. Leve, com motor central e um desenho aerodinâmico, se mostrou um grande sucesso nas pistas, conquistando as provas mais importantes da época.



O 550 ficou famoso também por ter sido o carro no qual James Dean morreu. E dois mitos foram criados e passaram a fazer parte um do outro, de forma a atrair a atenção e o fascínio dos fãs de ambos. Isso deu origem também e uma rede de fabricantes de réplicas, que mantêm a memória viva e o espírito de liberdade sempre presente.

É o caso desse exemplar da matéria. O carro traz um estilo único e bastante exclusivo. O primeiro destaque vai para as rodas de 5 furos e passa pelo pára-brisa pequeno, retrovisor externo e detalhes únicos, como os bancos esportivos e interior idêntico ao original.

A motorização é boxer central, o que garante um perfeito equilíbrio entre forma e função. O propulsor de 1,6 litro tem carburadores Weber 40, um escapamento direto e aproximadamente 100 cv. O som produzido em alta rotação é familiar e enche os ouvidos, bem como garante boas respostas ao volante.

Guiar esse carro foi algo especial. O 550 Spyder é meu carro preferido e tem muitas histórias pra contar - além da saga de James Dean. A sensação de acelerar bem perto do chão e sentir o vento contra o rosto é  realmente fenomenal. E mais ainda com todos os detalhes dessa recriação perfeita.  


Porsche 550 Spyder Recreation Banjo Boxer Sem título Sem título
Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails