Google+

12 de fev de 2014

Por que os motoristas de ônibus causam tantos acidentes no trânsito de São Paulo?

Bruno Santos/Terra

Imprudência. Abuso de velocidade. Desrespeito às leis de trânsito. Esses são três ingredientes que vemos todos os dias nas grandes avenidas de São Paulo. Uma parte disso é causada por motoristas e motociclistas, mas uma outra parte considerável por aqueles que deveriam zelar pela segurança: os motoristas de ônibus.

Hoje pela manhã mais um acidente grave envolvendo um deles causou a morte de duas pessoas. Basta observar o tamanho da composição e o espaço do corredor de ônibus destinado a esses gigantes para concluirmos que a velocidade de 60 km/h provavelmente não estava sendo respeitada no momento da colisão.


E a cena é habitual no trânsito paulistano. Basta andar por ruas movimentadas para notar como alguns motoristas tratam o ônibus - e seus passageiros - de forma totalmente descuidada e, em alguns casos, irresponsável. Não deveriam essas composições enormes rodar apenas dentro de corredores fechados e com mais segurança?

A quantidade de acidentes causada por ônibus é enorme, alguns deles tão absurdos que fica evidente a falta do zelo que cabe a um profissional do volante. Casos como esse realmente se repetem a cada dia. E temos as mortes causadas no trânsito, além de inúmeros prejuízos à circulação, que não podem ser estatísticas ignoradas.



Infelizmente a maior parte dos casos é tratada como homicídio culposo, aquele que acontece pela negligência, imprudência ou imperícia. Basta notar as quase 3.000 decisões de jurisprudência unicamente com a busca das palavras "Ônibus em alta velocidade". Mas andar muito acima do limite da via pode ser considerado homicídio doloso, já que o autor assume o risco de causar um acidente.

Isso vale para outros casos já comprovados de excesso de velocidade, como nessa matéria do portal R7. Algumas coisas precisam mudar. E de forma urgente. Justamente para separar os maus dos bons motoristas, que certamente são a maioria entre os profissionais do setor, essencial para o transporte de milhões de pessoas todos os dias. 






Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails